logotype
Oct
2017

Fez-se história na Burinhosa… com centenas de Bicicletas Antigas

A aldeia da Burinhosa, recebeu no passado dia 25 de Julho de 2010 o VII Encontro Nacional de Bicicletas Antigas, uma tradição que já está implementada no calendário clássico de Portugal. Uma edição que fica para a história…

História essa que começa pelo crescimento que o evento tem vindo a ter nos últimos anos e que se reflecte no numero de participantes este ano, ou seja, 440 bicicletas antigas e outros tantos participantes. Com isto, o encontro desde ano continuou a afirmar-se como o principal encontro de bicicletas antigas de Portugal, contando novamente com participantes de vários pontos do país (incluindo ilhas) e também de Espanha. 

A par de um novo percurso, mais curto e com uma maior envolvência com a natureza, surge também um novo formato do encontro. Partida e chegada ainda a decorrer pela manhã. Sendo depois a tarde para convívio, troca de ideias e apreciar as centenas de exemplares dos participantes e expostos.

Surge ainda a segunda Bicimobilia, que se torna cada vez mais uma aposta ganha, quando se idealizou o ano passado. Os expositores aumentaram e a qualidade exposta também.

Os participantes começam a chegar à sede do grupo Men In Bike na manhã de domingo, com exemplares únicos e com algumas dezenas de anos. Destaque para muitos exemplares presentes de elevada qualidade de restauro ou mesmo de originalidade. E uma nota para, cada vez mais a presença de exemplares nacionais, como é o caso de marcas como a EFS ou SANGAL.

Por mais um ano, os participantes tiveram ao seu dispor um espaço que recriava os nossos antepassados, onde poderiam tirar uma fotografia que mais tarde lhe seria oferecida, para um dia poder mostrar aos seus netos.

As habituais conversas entre participantes e coleccionadores foi um ponto forte neste encontro, pois todos ficaram com a ideia que este meio de transporte está a ter uma grande procura por parte de todos. O que anteriormente era esquecido lá por casa, está agora a ser muito procurado, quer as principais marcas portuguesas como principalmente os modelos ingleses…

A meio da manhã deu-se finalmente início ao passeio pelas ruas da aldeia rumo à Lagoa de Pataias, onde os participantes formavam uma caravana com algumas centenas de metros. A ciclovia da costa marítima foi também palco de passagem.

Ao final do dia, com enorme entusiasmo, Rui Rodrigues da organização revela: “em 2004 quando se colocou de pé esta iniciativa, nunca pensei que passados sete anos iriamos ter quase meio milhar de participantes. Temos vindo a crescer na qualidade do encontro e pensado muito nos participantes. Este ano fica para a história, pois recebemos rasgados elogios por parte dos participantes e penso que este novo formato é uma aposta ganha em todas as vertentes. Agora é tempo de reflectir, tentar inovar em alguns aspectos, para no próximo ano termos um encontro ainda mais do agrado de cada participante. A aposta da bicimobilia está também garantida, certamente que para o ano crescerá o número de expositores. Um dos aspectos que também tem vindo a crescer no encontro é a qualidade dos restauros que os participantes têm apresentado. A aposta continua a ser a de divulgar o encontro, ainda mais, não só em Portugal como por outros países”.

A próxima edição está já confirmada. A organização agradece ainda, a todos os participantes, amigos e patrocinadores que contribuíram para o sucesso deste encontro. O nosso muito obrigado.